domingo, 28 de março de 2010

Flamengo 2 x 1 América-RJ


Campeonato Carioca de 2010 - Taça Rio: o Flamengo não mereceu a vitória. Jogou mal e chegou a ser dominado pelo América-RJ. Vágner Love marcou o 12º gol na competição e Adriano, o 11º. Toró completou 150 jogos com a camisa do Flamengo. A vitória confirmou a classificação do time para a semifinal.

Ficha técnica
Estádio: Engenhão - Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Rodrigo Nunes de Sá (RJ)
Público: 3.218 pagantes, 4.819 presentes
Flamengo: Bruno, Leonardo Moura, David, Fabrício e Juan; Toró (Petkovic), Willians, Kléberson (Maldonado) e Vinícius Pacheco (Ramon); Vágner Love e Adriano. Técnico: Andrade.
América-RJ: Roberto, Claudemir, Fábio Braz, Luciano Almeida e Gerson; Mael, Joziel, Bruno Reis (Da Costa) e Jones; Paty (Daniel Moraes) (Emerson) e Adriano. Técnico: Gabriel Vieira.
Gols:
1º tempo: Jones (América-RJ), aos 4 min.; e Adriano (Flamengo), aos 24 min. de pênalti.
2º tempo: Vágner Love (Flamengo), aos 36 min.
Cartões amarelos: Toró, Vágner Love, Willians, Fabrício, Petkovic e Ramon (Flamengo); Claudemir (América-RJ).
Cartões vermelhos: Jones e Gerson (América-RJ).

quarta-feira, 24 de março de 2010

Flamengo 3 x 1 Tigres


Campeonato Carioca de 2010 - Taça Rio: o jogo marcou a volta de Maldonado, parado há quatro meses por causa de contusão na seleção chilena. O 'Império do Amor' espantou a crise e voltou a resolver o problema de gols. Vágner Love manteve a artilharia da competição, com 11 gols, e Adriano, com 10, passou a ser o vice-artilheiro. A vitória praticamente garantiu a vaga na semifinal.

Ficha técnica
Estádio: Engenhão - Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Djalma Beltrami (RJ)
Público: 1.915 pagantes, 3.118 presentes
Flamengo: Bruno, Leonardo Moura, David, Fabrício e Juan; Maldonado, Willians (Rodrigo Alvim), Kléberson e Petkovic (Vinícius Pacheco); Vágner Love (Ramon) e Adriano. Técnico: Andrade.
Tigres: Rodolpho, Edinho, Ronaldo, Paulo César, Zé Carlos e Celico (Édson Barbosa); Leão, Dênis, Geovanni (Jefinho) e Daniel Silva; Cleitinho e Gilcimar (Campanário). Técnico: Sorato.
Gols:
1º tempo: Gilcimar (Tigres), aos 31 min.; e Adriano (Flamengo), aos 37 min.
2º tempo: Vágner Love (Flamengo), aos 7 min.; e Adriano (Flamengo), aos 32 min.
Cartões amarelos: David (Flamengo); Dênis e Zé Carlos (Tigres).

domingo, 21 de março de 2010

Botafogo 2 x 2 Flamengo


Campeonato Carioca de 2010 - Taça Rio: o time parece ter sentido a falta dos laterais Leonardo Moura e Juan e insistiu com as jogadas pelo meio. Mais uma vez não jogou bem, reflexo da maratona que vem enfrentando com duas competições simultâneas - Libertadores e Estadual. Adriano, mesmo muito marcado e sem inspiração, fez a diferença e empatou a partida no último minuto.

Ficha técnica
Estádio: Engenhão - Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhães (RJ)
Público: 6.707 pagantes, 9.074 presentes
Botafogo: Jefferson, Fahel (Eduardo), Antônio Carlos e Danny Morais; Somália (Fábio Ferreira), Leandro Guerreiro, Sandro Silva, Lucio Flavio (Edno) e Marcelo Cordeiro; Caio e Herrera. Técnico: Joel Santana.
Flamengo: Bruno, Leonardo Moura, Álvaro (Ronaldo Angelim), Fabrício e Rodrigo Alvim; Toró, Willians, Kléberson (Ramon) e Petkovic (Vinícius Pacheco); Vágner Love e Adriano. Técnico: Andrade.
Gols:
1º tempo: Herrera (Botafogo), aos 16 min. de pênalti; e Adriano (Flamengo), aos 20 min.
2º tempo: Herrera (Botafogo), aos 9 min.; e Adriano (Flamengo), aos 48 min.
Cartões amarelos: Petkovic, Everton Silva, Toró, Álvaro e Willians (Flamengo); Marcelo Cordeiro, Somália e Eduardo (Botafogo).

quarta-feira, 17 de março de 2010

Universidad de Chile (CHI) 2 x 1 Flamengo


Copa Libertadores de 2010: o time foi apático. Em momento algum do jogo demonstrou vontade de vencer. O 'Império do Amor' esteve irreconhecível, sem inspiração. Talvez por causa dos escândalos que envolveram Adriano e Vágner Love. Bruno, o herói do jogo contra o Vasco, falhou no segundo gol da Universidad de Chile. Com a segunda derrota na temporada, a primeira na Libertadores, o Flamengo perdeu a liderança do Grupo 8.

Ficha técnica
Estádio: Monumental - Santiago (Chile)
Árbitro: Jorge Larrionda (Uruguai)
Público: não divulgado
Universidad de Chile: Conde, Contreras, Victorino, Olarra e Matías Rodríguez; Seymour, Estrada (Pinto), Montillo e Puch; Olivera (Rivarola) e Vargas (Álvaro Fernández). Técnico: Gerardo Pelusso.
Flamengo: Bruno, Leonardo Moura (Everton Silva), Álvaro, Fabrício e Juan; Willians, Rodrigo Alvim, Kléberson (Fierro) e Vinícius Pacheco (Petkovic); Vágner Love e Adriano. Técnico: Andrade.
Gols:
1º tempo: Vargas (Universidad de Chile), aos 42 min.
2º tempo: Rodrigo Alvim (Flamengo), aos 5 min.; e Seymour (Universidad de Chile), aos 9 min.
Cartões amarelos: Álvaro e Fierro (Flamengo); Vargas (Universidad de Chile).

domingo, 14 de março de 2010

Flamengo 1 x 0 Vasco


Campeonato Carioca de 2010 - Taça Rio: quase um ano depois do último clássico realizado em 22 de março de 2009, o Flamengo teve a volta do Imperador Adriano e contou com o desfalque de Carlos Alberto, do Vasco. O goleiro Bruno defendeu dois pênaltis de Dodô.

Ficha técnica
Estádio: Maracanã - Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Péricles Bassols Cortez (RJ)
Público: 34.707 pagantes, 37.104 presentes
Flamengo: Bruno, Leonardo Moura, Álvaro, Fabrício e Juan; Toró, Willians, Kléberson (Rodrigo Alvim) e Vinícius Pacheco (Petkovic); Vágner Love (Ronaldo Angelim) e Adriano. Técnico: Andrade.
Vasco: Fernando Prass, Gustavo (Rodrigo Pimpão), Fernando e Titi; Élder Granja, Rafael Carioca, Paulinho (Léo Gago), Philippe Coutinho e Márcio Careca; Dodô e Rafael Coelho (Jeferson). Técnico: Vágner Mancini.
Gols:
2º tempo: Adriano (Flamengo), aos 6 min. de pênalti.
Cartões amarelos: Willians, Adriano, Vágner Love, Rodrigo Alvim e Juan (Flamengo); Paulinho, Rafael Carioca, Fernando Prass, Gustavo, Élder Granja e Titi (Vasco).
Cartão vermelho: Titi (Vasco).

quarta-feira, 10 de março de 2010

Caracas (VEN) 1 x 3 Flamengo


Copa Libertadores de 2010: mesmo não jogando bem, o time conseguiu sua segunda vitória na competição e lidera o Grupo 8. Pet começou como titular, o que não acontecia desde o Fla x Flu da Taça Guanabara. Vágner Love foi o destaque. Foi a primeira partida do Flamengo com a nova camisa branca.

Ficha técnica
Estádio: Olímpico de la Universidad Central de Venezuela - Caracas (Venezuela)
Árbitro: Wilmar Roldán (Colômbia)
Público: não divulgado
Caracas: Vega, Romero (Prieto), Bustamante, Alejandro Cichero e Gabriel Cichero; Jiménez, Lucena, Guerra e Gómez (Gonzalez), Valoyes e Castellin (Aristeguieta). Técnico: Noel Sanvicente.
Flamengo: Bruno, Leonardo Moura, Álvaro, Fabrício e Juan; Toró, Fernando (Rodrigo Alvim), Kléberson e Petkovic (Ronaldo Angelim); Vinícius Pacheco (Fierro) e Vágner Love. Técnico: Andrade.
Gols:
1º tempo: Vágner Love (Flamengo), aos 35 min. de pênalti.
2º tempo: Castellin (Caracas), aos 14 min.; Vágner Love (Flamengo), aos 29 min.; e Rodrigo Alvim (Flamengo), aos 47 min.
Cartões amarelos: Toró e Bruno (Flamengo); Valoyes, Romero e Castellin (Caracas).
Cartão vermelho: Toró (Flamengo).

sábado, 6 de março de 2010

Resende 0 x 4 Flamengo


Campeonato Carioca de 2010 - Taça Rio: sem Adriano, envolvido em uma confusão com a noiva num baile funk na Vila Cruzeiro e dispensado pela comissão técnica, o Flamengo só acordou no 2º tempo, apesar do time ter jogado bem. A crise com o Imperador não chegou a prejudicar a equipe em campo.

Ficha técnica
Estádio: Raulino de Oliveira - Volta Redonda (RJ)
Árbitro: Carlos Eduardo Nunes Braga (RJ)
Público: 1.217 pagantes
Resende: Cléber, Ramon, Rodrigo Costa e Naílton; Tiago Bastos, Marcio Gomes, André Conceição (Beto), Léo e Felipinho (Vinicius); Fabiano e Tuta (Taércio). Técnico: Leandro Silva.
Flamengo: Bruno, Leonardo Moura, Álvaro, Fabrício e Juan; Toró (Rodrigo Alvim), Willians (Ramon), Fernando e Vinícius Pacheco; Vágner Love e Bruno Mezenga (Petkovic). Técnico: Andrade.
Gols:
1º tempo: Bruno Mezenga (Flamengo), aos 36 min.
2º tempo: Leonardo Moura (Flamengo), aos 18 min.; Vinícius Pacheco (Flamengo), aos 24 min.; e Vágner Love (Flamengo), aos 30 min.
Cartões amarelos: Juan (Flamengo); Rodrigo Costa, Ramon e Naílton (Resende).
Cartão vermelho: Naílton (Resende).

quarta-feira, 3 de março de 2010

Flamengo 2 x 0 Madureira


Campeonato Carioca de 2010 - Taça Rio: no dia em que o maior ídolo do Flamengo, Zico, completou 57 anos, o time não jogou bem. Pelo contrário, foi burocrático e irritou o técnico Andrade e a torcida. Vágner Love marcou mais um e se manteve na artilharia isolada da competição. No Madureira, o fato curioso foi a aparição de um Obina, um jovem muito parecido com o artilheiro baiano que atuou pelo rubro-negro.

Ficha técnica
Estádio: Maracanã - Rio de Janeiro - RJ
Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhães (RJ)
Público: 4.326 pagantes
Flamengo: Bruno, Leonardo Moura, Álvaro, Fabrício e Juan (Rodrigo Alvim); Toró, Willians, Fernando e Fierro (Ramon); Vágner Love e Vinícius Pacheco (Petkovic). Técnico: Andrade.
Madureira: Jefferson, Bruno, Edinho, Leandrão e Nil; Zacarias (Arthur), Rodrigo, Wagner e Alex Oliveira (Obina); Éberson (Michel) e Derlei. Técnico: Antônio Carlos Roy.
Gols:
1º tempo: Fernando (Flamengo), aos 14 min.
2º tempo: Vágner Love (Flamengo), aos 43 min.
Cartões amarelos: Juan, Toró e Rodrigo Alvim (Flamengo); Wagner (Madureira).